Claudinho E Buchecha — Quase O Fim lyrics

Naquele lugar, naquele local
Era lindo o seu olhar
Eu te avistei, foi fenomenal
Houve uma chance de falar
Gostei de voce. Quero te alcancar
Tem um ima que fez o meu hospedar
Nossas emocoes, eram ilicitas
Que apesar das vibracoes, proibia o amor em nossos coracoes.
Ziguezaguiei no vira, virou
Voce quis me dar as maos, nao alcancou.
Bem que eu tentei, algo atrapalhou.
A distancia nao deixou
Foi com muita fe, nessa ilustracao.
Que eu nao dei bola para a ilusao.
Homem e mulher, ira em inversao.
Bate forte o coracao.
Tumultuado o palco quase caiu
Eu desditoso e voce se distraiu.
Quando estendi as maos, para poder te segurar,
Ja arranhado e toda hora vinha uma,
A impressao que o palco era de espuma.
Voce tentou chegar, nao deu pra me tocar.
Nosso sonho nao vai terminar.
Desse jeito que voce faz.
Se o destino adjudicar, esse amor podera ser capaz
(E depois que o baile acabar, vamos nos encontrar logo mais)
Na Praca da Playboy, ou em Niteroi,
Na fazenda Chumbada ou no Coz.
Quitungo, Guapore, nos locais do Jacare,
Taquara, Furna e Faz-quem-quer.
Barata, Cidade de Deus, Borel e a Gamba.
Marechal, Urucania, Iraja.
Mosmorama, Guadalupe, Sangue-areia e Pombal
Vig
Rio geral, Rocinha e Vidigal
Coronel, Mutuapira, Itaguai e Sacy,
Andarai, Iriri, Salgueiro, Catiri.
Engenho Novo, Gramacho, Meier, Inhauma, Arara.
Vila Alianca, Mineira, Mangueira e a Vintem
Na Posse e Madureira, Nilopolis, Xerem.
Ou em qualquer lugar, eu vou te admirar.
Nosso sonho nao vai terminar.
Desse jeito que voce faz.
Se o destino adjudicar, esse amor poder
Ser capaz
(E depois que o baile acabar, vamos nos encontrar logo mais)
Os teus cabelos cobriam os labios teus.
Nao per
[ Lyrics from: http://www.lyricsty.com/claudinho-e-buchecha-quase-o-fim-lyrics.html ]