Da Weasel — O Serviço lyrics

Da-me um cigarro,
Da-me lume,
Da-me uma cerveja,
Ja sabes o costume,
Da-me uma murtalha,
Q eu enrolo isso,
Da-me a pedra,
E deixa-te disso.
Da-me uns trocos pra beber um cafe,
Va la, ja sabes q tou farto de tar em pe,
E n me olhes com essa cara atravessada,
Da-me o telefone da tua namorada,
Pk pk pk? Pk ela tem uma coisa para mim,
Qts pedras de gelo queres no teu gin?
Da-me a tua vida, da-me qualquer uma,
Troco na boa na boinha pelos meus tenis puma.
Da-me um coraao, o meu foi roubado,
A cabra q o levou nem seker deixou recado.
Da-me um pouco da tua classe
Quem sabe talvez resulta-se,
Prometo q n a estrago, tasse?
Da-me um bilhete para o cinema, melhor,
Da-me cara duma estrela de cinema
Um sorriso pepsodente de orelha a orelha
Fofinho e inocente tal e qual uma ovelha
Da-me a tua imbecilidade numa aspirina
E juntalhes a tua integridade cabotina
Axas q cabe tudo na mesma terrina
Sabia-me mesmo bem agora uma gelatina
Da-me um tiro se isso te faz sentir melhor
Da-me um leno, da ca eu limpo-te o sour
N consegues atirar bem me keria parecer isso
Da ca essa merda,
Eu fao-te o servio.
[ Lyrics from: http://www.lyricsty.com/da-weasel-o-servio-lyrics.html ]